4.2.10

Pintando no obsoleto

"Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma", já dizia Lavoisier. E é seguindo esse pensamento que nascem as belas obras de Nick Gentry.
O artista britânico utiliza materiais obsoletos como disquetes, fitas VHS e cassetes em suas pinturas, transformando o antigo em algo novo e fascinante.

Usando sempre o círculo de metal presente nos disquetes, ou os rolos das fitas VHS e cassetes como os olhos em seus trampos, o artista procura passar a ideia de que "os olhos de uma pessoa podem revelar a identidade dela e seus sentimentos", segundo suas próprias palavras.


Gentry pede doações desses tipos de mídia, que antes eram encontrados em fartura e hoje, por motivos óbvios, acabaram tornando-se materiais difíceis de serem encontrados.

O conjunto de obras do cara pode ser visto e também comprado no: Nickgentry.co

"Eu sabia que aquele círculo de metal servia pra alguma coisa..."

Comenta aí!

Related Posts with Thumbnails